Prashtant Iyengar Aula de Bharadvajasan

Um asana que quando feito pode demonstrar horas de pratica ou simplesmente destreza física. Entretanto bharadvajasana e simples apenas o e no plano físico e pode levar você a muito alem das aparências do mesmo. Sente-se em bharadvajasana e comece a fazer as conexões de mao direita ao peito e mao esquerda ao peito. Separe as coxas do tronco e trabalhe levando atividade na mente, respiração e corpo. Durante a orientação coloque-se num estado de fazer e executar sempre. Ajustes é parte intrínseca do Iyengar Yoga onde as permanências são longas. Um ajuste não e um mero movimento, a vida não e apenas ajustes. Sempre que tarefas são feitas e abraçadas correções são feitas o tempo todo. Ajustes são feitos por varias razoes: 1. Correção que e um trabalho difuso. Você esta corrigindo para fazer melhor? Para remover um erro? Se você faz um ajuste para efeito corretivo; após a correção você pode dizer que a postura agora esta correta? Se estava 3% correta esta 45% correta agora? E dentro desses 45%você esta completo? Satisfeito e correto? Em qualquer dicionário você encontrara que correto não significa melhor; mas o correto em Iyengar e ara podermos melhorar. 2. Atividade. Quando você vai para uma atividade seus dnyamendriyas viram karmendriyas. Entenda o músculo da sua mente , respiração e corpo. Faca mais e então de uma evoluída na sua atividade. Mude o molde de ajuste, deixe que seus movimentos tornem-se cognitivos e deixe sua mente tornar-se reflexiva, sua respiração como o pincel de um pintor. a mente envolve o asana, a respiração torna e mente culta. Sem esses ajustes sua atividade não e um asana mas um exercício físico, aprenda a mover-se do fundamental ao rudimentar. Asanas não devem ser executados onde somente trabalho fundamental e feito, e necessário construir uma superestrutura. 3. Conveniência. 4. Para render persistência. 5. Para manutenção 6. Para melhoras 7. Para prevenir erros 8. Para tornar-se sensível, perceptivo, reflexivo. Você não estar nunca totalmente certo e correto, você esta melhorando. E imperativo que quando você ajusta você possa fazer isso de forma inteligente e refletida com prudência. Seja dinâmico, positivo e resolvido. Quando você quer melhorar e modificar seja matemático. Quando quer ganhar algo de um lado veja se você não esta perdendo de outro lado, não se comprometa. Mantenha uma mente harmônica, focada, disciplinada, aplique essa tecnologia e você terá essa mente mais inteligente.

Prayatnashaithilyam e qualidade e não quantidade.

Na pratica de yoga seja analítico, se você encontrar sua pratica sendo uma falácia recupere o que significa isso. Quando tem a vergonha tem o progresso depois da revelação disso, do não compromisso do “roubar no jogo”. Quando você esta satvico você não quer mais a memória do tamasico. O mundo e sinistro e não tem nada nobre para que olhemos e nos inspiremos. O mundo precisa do confronto do mau e bom. A yoga nos enobrece e nosso potencial de nobreza liberador ao que chamamos de nossos pecados.

Bharadvajasana na cadeira

Epistemologia – Um conceito interessante Existem muitas coisas que sabemos mas precisamos que nos digam que sabemos. Tudo que nos e ensinado não e desconhecido para nos. Um professor deve fazer o aluno ver que ele já sabe que ele sabe. E importante entrar na epistemologia na arte do ensinar. Existem dois métodos para fazer o Bharadvajasana. Relaxado. Alerta e com inalação profunda, exale completamente, faca uma exalação pneumática segure o ar e durante a retenção faca bharadvajsana. Girando, fazendo a concavidade, convexidade, elevando, estreitando, endurecendo, amolecendo, alargando, tudo deve ser feito durante a retenção e completado todo o tempo. Veja quantas respirações você pode manter. Depois respire e mantenha o bharadvajasana. Depois vá para o próximo estágio onde você executa o bharadvajsana a partir do bharadvajasana. Inale, exale profundamente e faca a segunda parte. Você tem que trabalhar seriamente e tornar-se um professor para aprender sempre acendendo em seu aprendizado. Você não precisa ensinar aos outros, você precisa ensinar a você mesmo e construir o calibre necessário para ensinar. Relaxado. Alerta e com inalação profunda, na sua exalação entre em bharadvajsana. Observe a diferença, mantenha a postura e respire, mova-se para o estagio dois e três. No 1º método você esvaziou o vaso e preencheu com bharadvajsana no 2º método você esta esvaziando e enchendo ao mesmo tempo.As dinâmicas são diferentes, as vezes as condições são tais que você não pode esvaziar, não pode criar um vácuo. Por exemplo, você não pode criar novo ar no hall de yoga esvaziando primeiro num vácuo e depois preenchendo com ar. Você traz muito ar fresco e deixa assim o ar fresco. As dinâmicas mudam. Bharadvajasana com cadeira e bloco Segure o bloco horizontalmente deixando os joelhos tão largos quanto os quadris. Com o bloco crie espaço na pelve e observe o espaço e as aberturas na pelve. Coloque o bloco fora e veja a diferença, entendo o que acontece. Entenda a sua pelve e o que o bloco fez para você. O bloco naquele momento não era um prop, era parte de sua pélvis. Os técnicos que fizeram o bloco colocaram inteligência para fazer o mesmo e quando estava na prateleira era apenas um bloco, quando em bharadvajsana ele torna-se um treinador. Existem 3 milhões de neurônios no cérebro que os cientistas dizem ser insuficientes. Quando o bloco estava fazendo bharadvajasana no papel de pélvis ele estava adicionando neurônios a mente. Ele adiciona sensibilidade, inteligência e maior percepção. Ele adicionou mais calibre a essa mente aumentou o quociente bharadvajsana. Bharadvajsana na Cadeira com pernas como na cadeira em Viparita dandasana. Nessa posição gire e segure a alca da cadeira com uma mao. Leve a outra mao para a parte de trás do assento da cadeira. As mãos têm dois lados: o dedão e o lado do dedinho. O antebraço tem dois ossos o radio e a ulna. A ulna tem o lado do dedinho e o radio do dedão. Quando você segura a cadeira com as mãos atrás das costas você deve segurara uma vez com o dedinho e uma vez com o lado do dedão. Veja como isso opera pois afeta músculos diferentes e afeta os mesmos músculos de formas diferentes.Traga a intenção para o músculo que você deseja usar e depois mude e designe outros músculos para fazer o trabalho. O estimulo muda quando você muda a sua intenção e a rotação dos ombros também mudara de forma diferente. E um estudo dizer simplesmente gire os ombros, não e suficiente; nenhum movimento pode acontecer sem o estimulo dos nervos. Você não pode mover seus membros porque você quer um impulso nervoso deve estar presente. Os próximos ciclos de bharadvajsana devem ser feitos com as ações de sugar, girar e relaxar nas retenções. Faca a ação de sugar devagar e relaxe rapidamente. Veja quantas vezes numa retenção você pode sugar e veja como parece uma pulverização essas ações de sugar e relaxar. Os intestinos são 8 metros longos, os ácidos que são requeridos para a digestão concentram-se na parte alta e deixa essa parte livre de micróbios. Essa pulverização cria anticorpos para essas micróbios. Asanas são um laboratório para a mente e corpo e não somente exercícios e movimentos.