Sobre as praticas de Maha Mudra, Sanmukhti Mudra e Savasana que sao preparatorias para Pranayamas.

Por Geeta Yengar

Savasana eh o denominador comum para asanas e pranayamas. Em savasana o praticante conquista o relaxamento corporal, aquieta a respiração , tranqüiliza o sistema nervoso e experiência paz mental. Tudo isso eh essencial para pranayamas e dhyana. Maha mudra tem como meta em sua pratica elevar a espinha com suporte e controle dos órgãos abdominais. Sanmukhti mudra ensina o recolhimento dos sentidos e olhos e ouvidos são fechado externamente e mantidos alertas internamente. Isso tudo leva o praticante a assessar seu mundo interno o Eu Superior. Essas três praticas são preparatórias para os pranayamas. O sadhaka aprende a relaxar a ganhar experiência com os bandhas e a controlar o órgão dos sentidos. Sanmukhi mudra e savasana podem ser praticados a qualquer momento. Se forem praticados antes de irem dormir conferem um sono de muita qualidade.

Maha mudra:

Maha significa grande ou nobre; mudra significa trava, selo ou o ato de selar. Nessa postura sentada as principais aberturas do corpo são seladas. A espinha eh elevada através da ação de agarrar os dedos dos pés com as mãos e de puxa-los; isso darah um suporte e alongamento vertical para a coluna. Esse mudra pode ser feito antes de Janu Sirsasana.

Técnica:

1-    Sente-se em dandasana 2-    Mantenha a perna esquerda esticada e dobre o joelho direito posicionando a parte externa da panturrilha no chão, o calcanhar perto do períneo. A perna dobrada deve ficar em um ângulo reto em relação a estendida. 3-    Estenda os braços e agarre o dedão do pe esquerdo com os polegares , o indicador e dedo médio de ambas as mãos. 4-    Estique braços e cotovelos. 5-    Agarre bem o dedão para poder esticar a coluna. Eleve mais o tronco pressionando as coxas contra o chão. 6-    Abaixe a cabeca a partir da raiz do pescoço ateh que o queixo descanse no espaço entre as clavículas. 7-    Relaxe a cabeca e a testa sem contrair a garganta e feche os olhos. 8-    Exale todo o ar que houver nos pulmões. Sugue o abdômen do anus ateh o diafragma e alongue a coluna para cima. Permaneça nessa postura final por 3 a 5 segundos segure o ar e observe os seguintes pontos: mantenha o peito expandido; relaxe os olhos , a língua e os músculos faciais; veja se o corpo não cai para a direita; aumente a pegada do dedão para estender mais a espinha. 9-    Exale e enquanto exala relaxe os órgãos abdominais sem cair com a espinha. Inalação, retenção a exalacao completam um ciclo. Faca de 5 a 8 ciclos. 10-    Depois de completar os ciclos eleve a cabeca abra os olhos, alongue a perna direita e volte a dandasana 11-    Faca tudo igual no outro lado.

Efeitos:

Com a pratica de maha mudra os três bandhas (jaladhara bandha, uddiyana bandha e mula bandha) são conquistadas a certo ponto. Bandha significa liga. Eh uma ação onde algumas partes do corpo são contraídas e controladas. Em jalandhara bandha o pescoço e garganta são contraídos com a chave do queixo entre o espaço entre as clavículas. Em uddiyana bandha os órgãos abdominais são levados ateh a espinha e o diafragma elevado. Em mula bandha o abdômen inferior entre o umbigo e anus  eh contraído e levado em direção ao diafragma de forma que a região entre a vagina e o monte anal e travado para cima. Esses três bandhas ajudam o sadhaka a dominar os métodos de pranayamas que virão a ser desenvolvidos depois. Maha mudra ajuda a corrigir o mal posicionamento do útero , cura leucorrea, e tonifica os órgãos abdominais. Alivia as dores de cabeca, sensação de peso, quimacao no peito, tontura e quedas de pressão. No hatha yoga pradipika fala-se do maha mudra: “quem pratica maha mudra não precisa ter restrições em dietas, não importando se ele tem ou não seleção nos alimentos a digestão se darah muito bem; pode-se beber veneno e digerir como se fora nectar; doenças de perdas serias (tuberculose), lepra, indigestão, aumento do fígado e do esplênio irão fugir da pessoa”.

Sanmukhi mudra:

Esse mudra eh dedicado ao líder do exercito divino que possui seis cabeças Kartikeya. Tambem eh conhecido por Parangmukhi, Sambhavi ou Yoni mudra. Aqui o yogue sela os órgãos do sentidos e olha para dentro dele mesmo. Esse mudra pode ser praticado sempre que for conveniente.

Técnica:

1-    Sente-se em padmasana mantendo a espinha ereta e a cabeca como que flutuando sobre a mesma, relaxe a pele da testa. 2-    Dobre os cotovelos e leve as mãos ao redor dos olhos mantendo os cotovelos alinhados com os ombros. Insira os dedões nos ouvidos de forma a cerrar todo barulho externo. Se os polegares causam dor use as projeções nas entradas das orelhas. 3-    Leve as pálpebras para baixo e feche suavemente as mesmas mantendo as pupilas no centro sem distrações. 4-    Estenda o indicador e dedo do meio e coloque os mesmos sobre os olhos de forma que somente essas duas falanges cubram os olhos. Pressione gentilmente curvando os dedos na forma dos olhos e tocando as extremidades dos olhos com a segunda falange do dedo do meio e com o dedo indicador. Não pressione a córnea. 5-    Coloque o final do dedo anelar na raiz do nariz perto da passagem  nasal. Deixe que o ar mova-se devagar controlando o dedo na passagem do nariz. 6-    Descanse o dedo mínimo apenas acima do lábio superior e abaixo das narinas e deixe que eles sintam o ritmo do fluxo da respiração. 7-    A pressão nos olhos e nas passagens nasais devem ser as mesmas nos dois lados. 8-    Observe esses seguintes pontos: (i) enqaunto voce pressiona o globo ocular leve o sentido da visão para dentro. (ii) relaxe a pele do corpo embora o traonco se mantenha ereto (iii) relaxe o cérebro 9-    Ouça o som murmurante nos ouvidos e sua mente estarah em paz por razão desse som e visão internalizados 10-    Permaneça nessa posição o maior tempo possível e depois remova os dedos gentilmente dos olhos  mantendo os mesmos fechados. Remova os dedões das orelhas de forma que o som externo não agrida diretamente o sentido da audição. Abaixe as mãos e descanse as  mesmas nos joelhos 11-    Experiencie a luz e a escuridão que tomam conta em frente aos olhos fechados, os padoes de cores e o som dos ouvidos. Permaneca por um ou dois minutos. Quando tudo estiver em paz e normal abra os olhos gentilmente sem perturbar a mente . 12-    Mantenha os olhos abertos e  sem movimento olhando para frente diretamente. Não mova as pupilas dos olhos. Solte as pernas do padmasana e alongue as mesmas 13-    Se voce estiver cansado ou sentindo-se fraco pratique Sanmukhi Mudra em Savasana. Se voce não pode fazer padmasana sente-se em qualquer postura e faca Sanmukhi Mudra.

Efeitos:

Os orgaos dos sentidos são levados para dentro e porisso são controlados. Respirando de forma rítmica a mente se acalma e podemos experienciar um estado de muito prazer. Sanmukhi Mudra acalma o cérebro e o sistema nervoso e eh excelente para remover irritação , tensão, perda de humor , tontura, queimação nos olhos, visão borrada e fadiga advinda de trabalho intelectual.

Savasana

Nesse asana a pessoa deita sem movimento algum côo um cadáver e a mente fica tranqüila e imóvel. Esse relaxamento consciente do corpo e da mente remove todas as tensões e revigora o corpo. O processo eh como recarregar as baterias de um carro. Embora esse asana aparente ser simples eh dificílimo de dominar. A mente e o corpo são interdepedentes e interconectadas. São inseparáveis e eh a arte da introspecção. Savasana eh a liga que conecta corpo e mente conecta asanas e pranayamas e leva a um caminho espiritual.

Técnica:

Ajuste do corpo:

1-    Espalhe uma manta no chão e sente-se em dandasana. Abra e estique os glúteos de forma que os mesmos não fiquem apertados especialmente nas costas. 2-    Deite o tronco para trás usando seus cotovelos e depois antebraços 3-    Enquanto voce deita no chão deixe a espinha convexa deforma que cada vertebra se aproxime do chão uma após a outra. Durante esse movimento não mexa os glúteos ou as pernas. As duas laterais do tronco devem se esparramar para as laterais desde o centro da coluna. Agora o corpo todo se alonga no chão mantendo a carne dos glúteos no sentido inverso ao do sacro. 4-    Deixe o peito relaxado sem cavar o mesmo para dentro. 5-    Agora relaxe as pernas deixando- as cair para as laterais sem perturbar a posição das pernas 6-    (cabeca) Mova as mãos em direção a cabeca para ajustar e coloque a parte de trás do crânio entrada no chão. Não deixe a parte de trás das orelhas moverem-se para o pescoço e mantenha a base do crânio aquele calombinho do mesmo para o chão e observe os seguintes posntos: (i) não tensione pescoço e garganta, (ii) não presison o queixo contra a garganta. 7-    (olhos e ouvidos). Feche os olhos leve as pálpebras para baixo sem perturbar as pupilas 8-    Mantenha os ouvidos e a audicao relaxados; isso pode ser adquirido relaxando a parte inferior da mandíbula 9-    (braços). Alargue as escapulas paraas laterais mas mantenha os ombros para longe do pescoço de forma que os ombros permaneçam no chão. 10-    Dobre os cotovelos e leve as palmas ao peito 11-    Estenda o braço desde seu encaixe para fora e coloque-o no chão sem mexer na posição dos cotovelos . Estenda os antebraços para cima ateh os punhos e coloque-os num ângulo de 15 a 20 graus do tronco e observe os seguinte posntos: (i) se o ângulo entre os bracoes e tronco for muito aberto os ombros irão se contrair e sair do chão conprimindo tambem o pescoço (ii) se os braços estiverem muito próximos do tronco as axilas peitorais ficarão em contato com a parte interna do braço e isso vai intimidar a abertura do peito e diminuir o relaxamento 12-    Mantenha os dedos relaxados e a pele das palmas das mãos passivas 13-    Mantenha o nariz em uma linha reta sem cambalear para algum dos lados. Mantenha a ponta do nariz alinhada com o meio do peito 14-    O movimento da respiração ao deve perturbar o tronco, os membros e o cérebro 15-    Fique nesse postura por 10 a 15 minutos e observe: (i) relaxe a pele da testa, as bochechas , os lábios, as mãos, as laterais do tronco, as nadegas as coxas (ii) mantenha a pele macia em toda a parte (iii) relaxe todos os músculos (ivi) deixe cair as laterais do sacro para relaxar ainda mais os gluteos (v) não eleve a vértebra lombar muito longe do chão (vi)as duas laterais do tronco devem descansar de forma homogênea no solo (vii) uma metade do corpo tem a tendecia a cair para um lado; veja se isso pode ser evitado e relaxar de forma inetira no chão (viii)descanse as escapulas sem pressionar as mesmas contra o chão (ix) veja se as palmas estão finas e macias (x)relaxe os dedos (xi) relaxe a pele do rosto que em contrapartida relaxa os órgãos de percepção (xii) qualquer perturbação nos órgãos dos sentidos imediatamente refletem na face e se espalha pelo corpo através através dos nervos tensionando todo o sistema ; logo a origem dessa tensão deve ser mantida serena (xiii) se o cérebro não relaxa e estah ocupado pensando a parte da frente da cabeca move-se para cima do queixo como se a cabeca e tronco fossem entidades separadas; em Savasana treina-se conter os processos de pensamentos (xiv) se a mente esta ativa os globos oculares se enrijessem e perturbam o ponto focal do mesmo (xv) diriga o cérebro e os olhos para o centro do coração (xvi)a interligação dos olhos, da mente, e do cérebro e importante . se a mente se distrai, o cérebro move-se para cima bem como os olhos e tudo se torna móvel.eh importante manter os olhos quietos (xvii) leve os olhos e os ouvidos para dentro e fusione os mesmos num ponto dentro do centro cardíaco onde sons externos cessam de perturbar (xviii) entrgue-se sua mente , seu corpo a Mae Terra que te manterah calmo e passivo; esse eh o estado total de relaxamento. 16-    (respiração) não faca respirações profundas. A respiração em savasana deve ser o mais quieta, suave tal qual as águas correndo de um rio sereno para a mente não se perturbar.observe os seguintes pontos na inalação ou Puraka: (i) não contraia a cabeca ou a entorte (ii) solte a mandíbula (iii) solte o diafragma (iv) relaxe os músculos das costas (v) não deixe o peito e externo caírem (vi) não infle o abdômen (vii) não tensione as palmas enquanto inala . Observe os seguintes pontos enquanto inala , Rechaka: (i) relaxe o cérebro durante a exalacao (ii) não permita que o ar toque  as paredes da garganta causando irritação (iii) não solte o diafragma repentinamente (iv) mantenha a mente passiva deixando que a mesma observe o fluxo da exalacao natural (v) as exalações corretas resultam em um sentimento de entrega quieta da mente e corpo a mãe terra; leva a uma sensação de paz e unidade com o Todo. 17-    No relaxamento perfeito a mente se mantem sem perturbação alguma e um fluxo de energia para dentro eh sentido. Um novo estado de consciência sem qualquer movimento e sem qualquer perda energética. Temos a sensação de que nosso corpo se alongou em vários centímetros que corresponde a liberdade que a mente e corpo vão tomando. 18-    Mantenha-se nesse estado de relaxamento o mais que voce conseguir e desde esse estado volte a superfície aos poucos.Nao perturbe o silencio da mente e não faca movimentos abruptos. 19-    Gradualmente traga seu intelecto, mente, e órgãos dos sentidos que estiveram submersos em um estado de bemaventuranca para o contato com o mundo ao redor. 20-    Abra os olhos e mantenha as pupilas desses olhos fixas sem subir ou descer. Olhe com passividade ao seu redor e continue a experenciar esse estado sereno de contato com o mundo externo. 21-    Vire-se lentamente para a sua direta e levante lentamente. Nota: pode levar algum tempo ateh que a mente torne-se estável e o corpo silencie.Com a pratica regular voce aprenderah a chegar nesse estado abençoado. No inicio alguns caem no sono , mas com o tempo conquistam o estado de relaxamento sem dormir. No inicio voce poderah achar difícil ajustar tudo de forma consciente mas aos poucos torna-se fácil ajustar mente e corpo de forma de ambos fiquem tranqüilos. Mais tarde quando voce vira mestre nesse asana voce experiência o estado de não existência do corpo, da mente, do intelecto, e do ego e o Ser maior se realiza.  O mundo externo estah aih , mas eh como se não existisse.

INSTRUCOES ESPECIAIS:

1-    Se voce estiver gripado, com tosse, asma, coloque um travesseiro ou uma manta dobrada com cerca 10 centimentros de espessura para que a cabeca e troco descansem bem em cima dos mesmos. Dessa forma o peito eh elevado e o diafragma permanece um pouco mais baixo que o peito facilitando a respiração. 2-    Se eh difícil de relaxar os olhos no inicio coloque uma bandagem em torno da cabeca cobrindo olhos, ouvidos, e parte de trás da cabeca.

Efeitos:

Uttanan savavadbhumau sayanam tacchavasanam savasanam srantiharam cittavisrantikarakan (deitar-se como um cadáver em Savasana remove a fatiga e confere paz mental) No savasana todas as partes do corpo, pele, músculos, e nervos são relaxados. Energia que flui para fora do corpo eh defletida e volta-se para dentro do corpo e a mesma ao invés de dissipar te alimenta. Savasana eh a experiência de morte enquanto vivos. Por um período breve de tempo o corpo, a mente e fala estão imóveis. Esse asana tambem eh chamado de Mrtasana pois experiência-se o grosso e sutil corpo como a deum cadáver. Ao invés de morto o corpo permanece ligado a alma em seu estado mais puro. Savasana eh revigorante e refrescante. Ajuda o corpo e mente a recuperar-se depois de períodos de doença por exemplo. Pacientes asmáticos e outrso que sofrem de doutras doenças respiratórias, problemas cardíacos, tensão nervosa, insônia deriva um resultado ótimo de savasana que acalma os nervos e mente. A pratica de savasana garante um sono profundo sem sonos pois eh um estado meditativo. Savasana eh o controle do mundo interno e a rendição ao Ser Supremo.