A prática do Yoga para os dias depois de sua menstruacão, um novo início.

Extraido do livro de Bobby Clenell sobre Mulheres e Yoga. Em New York de onde vivo percebo que quando a temperatura cai e o verão tende a virar outono; a energia muda de quase uma potencia opressora para um sentimento de mais atividade regular e movimento. Depois o outono dah espaço ao inverno sua escuridão e as tendências a maior introspecção. Quando a primavera chega estamos uma vez mais preenchidos com a sensação de recomeço. Assim como as estações estabelecem as suas mudanças, as mulheres reconhecem as suas estações internas através das flutuações hormonais.Cada mulher reage de forma diferente as suas menstruacoes: para algumas ela nem eh notada, outras ficam em estado miserável, outras percebem de forma mais atenta o que esse cilco faz com ela e como a conecta com o ritmo da Terra e seu pulso maior. O ciclo menstrual eh dividido em três partes: a fase um eh a folicular de construção e começa jah no final da ultima fase que eh a luteinisante. Os folículos começam soltando estrógeno aos poucos no dia três do ciclo (o dia um eh o dia primeiro de sangramento). Os dias após esse são os dias de ovulação e criam expectaivas e renovacoes. Assim como nos primeiros dias de primavera que os insetos aparecem para as polinizações carregamos um ovulo se desenvolvendo e o útero se prepara engrossando as suas paredes. Na fase dois que eh de ovulação são dois ou três dias de intensa atividade hormonal.A ovulação mesmo ocorre por volta do dia quatorze que seria o ponto médio correspondente ao verão. O ovo maduro eh liberado e um maior apetite sexual surge e a mulher fica mais atenta e receptiva ao externo de forma mental e emocional.Muitas experimental um aumento na sua capacidade criativa nessa fase. A fase três eh a luteinizante onde o ovulo desce as trompas de falópio e se for fertilizado desce ateh o útero para ficar acolhido e seguro. Se a fertilização não acontece a camada espessa do útero, o endométrio, se destaca das paredes do útero. Assim como as flhas caem e dah espaço a recriação, o endométrio, o ovulo e outras secreções descem na forma de fluxo menstrual. A menstruacao eh o inverno onde nos recolhemos e ficamos mais atentas ao iterno emocional. A medicina ayurveda reconhece os três dias que seguem a menstruacao de fase de transição.Eh bom estar atenta em como voce se sente nos três dias depois da menstruacao. A maioria das mulheres depois dessa purificação sente-se renovada e disposta a ver novos inicios. Algumas tem uma resposta emocional como a de uma que espera um bebe.Outras ficam um pouco cansadas e outras ficam ficam exaustas especialemente se foi de uma fluxo exagerado e intenso. Quando a fadiga esta presente e a mulher usa as suas reservas ela pode também ficar exaurida. A pratica de uma sequencia de yoga correta ajuda a restaurar e rebalancear o sistema. Uma vez uma estudante minha apareceu cansada com dores nas pernas e percebi que ela havia acabado de sair de seu período menstrual e também havia se submetido a uma sessão de ginástica no mesmo dia. Sugeri as posturas restaurativas e de inversão que trouxeram o vigoe dela de volta e as suas baterias se recarregaram. Foi um bopm aprendizado para ela que nas demais menstraucaoes respeitou mais o cilco e praticou a sequencia que havia feito tão bem a ela.Use a sua pratica pessoal para honrar as fases de cada ciclo e abrace o recomeço fresco que a sua menstruacao sugere. Reconstrua a sua energia de forma gradativa e contrabalanceada de forma que o seu corpo faca essa transição de inverno para primavera. O Salamba sarvangasana com suporte eh uma excelente postura a ser adotada após o termino de seu fluxo menstrual.