O Homem homunculus e o Iyengar Yoga entendendo as áreas do cérebro e nossas partes motoras

Por Ray Long MD O sistema nervoso aloca poder cerebral de acordo com a necessidade. Existem regiões do corpo que requerem altos níveis de destreza de consciência e tem uma grande representação no cérebro com mais circuitos formados e maior numero de neurônios por grupo muscular. As mãos e língua são exemplos dessas regiões. Os músculos posturais como o psoas e glúteo maximo tem representação muito menor. Cientistas mapearam as áreas do cérebro voltadas a determinadas regiões do corpo criando o que e chamado de homunculus ou pequeno homem. Esse mapa e desenhado desde o córtex motor do cérebro e existe um mapa similar para as funções sensoriais. Examinando os homúnculos notamos que o montante de poder cerebral alocado aos dedões e mais alto que toda a região pélvica; o cérebro e dinâmico e maleável. Embora o numero de neurônios individuais não aumente circuitos são formados rapidamente para entre os neurônios existentes para atender as novas demandas. Essa e a base para despertar músculos e clarividência no corpo em Iyengar Yoga; quando praticamos percebemos esses processos no nosso corpo e na expansão de nossas consciências.